Comentários

23/09: Cerveja II - Microcervejarias

Nos anos 70, nos Estados Unidos, o mercado de cervejas estava dominado por poucas cervejarias, que atendiam a todo o país. Assim como no Brasil, a briga pelo mercado resultou em cervejas que tentavam agradar ao paladar da maioria: Cervejas leves, com sabor pouco acentuado.

Por isso, no final da década de 70, começaram a surgir pequenas cervejarias com o objetivo de retomar a tradição da fabricação de cervejas artesanais, com eram feitas na Europa. Assim, começaram a ser produzidas cervejas de diferentes tipos, e diferentes sabores, voltados para os verdadeiros apreciadores de cerveja.

Essas pequenas cervejarias ficaram conhecidas nos EUA como microbreweries, ou microcervejarias. Elas chegaram até a ser regulamentadas, e foram consideradas microcervejarias as empresas que produziam até 150.000 lts por mês. Hoje essa categorização já foi revista, pois muitas cervejarias já ultrapassaram esse limite de produção, porém sem abrir mão do processo artesanal e da qualidade de seus produtos. Essas cervejarias são hoje conhecidas como Craft Breweries, ou Cervejarias Artesanais.

No Brasil o fenômeno está começando a se repetir. Na década de noventa a moda eram casas noturnas que produziam sua própria cerveja, ou chopp, que nada mais é do que a cerveja não pasteurizada. Dado Bier, Cervejaria Continental, e Lupus Beer são alguns exemplos dessas casas noturnas.

Porém esses estabelecimentos eram voltados ao público jovem, que consumia seus produtos, mas não se preocupava, em sua maioria, em conhecer mais a fundo esse maravilhoso mundo da cerveja.

Mas, no final dos anos 90, começaram a surgir microcervejarias que tinham como objetivo criar cervejas de qualidade para um público-alvo bastante específico, que é o de verdadeiros apreciadores de cerveja, na sua maioria pessoas que tiveram a oportunidade viajar e conhecer excelentes cervejas produzidas mundo afora, especialmente na Europa.

Correção 23/09/2005 15:03: São consideradas microbreweries as cervejarias com produção até 1.500.000 litros por ano.

Comentários

Nenhum comentário

Comentar

Este post não permite comentários